Estética & Cosmética

URI Permanente para esta coleção

Navegar

Submissões Recentes

Agora exibindo 1 - 5 de 28
  • Item
    Drenagem Linfática Manual e Detox Alimentar: na melhora nos estágios do Fribroedema Geloide
    (Universiade FUMEC, 2023) Roland, Roberta de Azambuja; Silva, Stephanie Diniz da
    É necessário que o profissional da área da estética entenda a importância em tratar o indivíduo como um todo compreendendo a necessidade de aliar tratamentos corporais como a drenagem linfática em conjunto com cuidados nutricionais para se alcançar os resultados almejados de forma mais eficaz. Nesta pesquisa de revisão narrativa da bibliografia foram analisados artigos científicos consultados datados dos anos de 2010 a 2022 em português e inglês, em base de dados: Pubmed e SciELO. Outras citações descritas, foram extraídas de livros em suas edições mais recentes e atualizadas. Pode-se então entender que a celulite conhecida também como fibroedema geloide, atinge aproximadamente 85% das mulheres pós-puberais é apontado como um fenômeno não inflamatório que está associado a mudanças no tecido subcutâneo. Mesmo não sendo considerada uma doença, a necessidade da busca de uma cura acaba gerando frustação e muita expectativa na paciente. Diante deste problema inúmeros protocolos e tratamentos foram desenvolvidos para amenizar a aparência da celulite para deixar a pele mais uniforme. Por meio deste estudo pudemos avaliar que diante da necessidade de encontrar um tratamento estético que tenha eficácia nos resultados para melhora e redução dos estágios clínicos do fibroedema geloide. A drenagem linfática manual é ainda uma das técnicas mais indicadas devido ao seu alto poder drenante aumentando a oxigenação das células ajudando na desintoxicação do organismo.
  • Item
    Principais causas e abordagens estéticas não invasivas para a hiperpigmentação periorbital
    (UNISA, 2022) Gonçalves, Rebeca Frazao Bezerra; Siqueira, Hellen Diniz; Ferreira, Sabryna de Alencar
    Introdução: Hiperpigmentação periorbital, ou comumente conhecida como “olheira” é um fenômeno fisiológico, caracterizado por uma hipercromia da região periorbital, Sendo de origem multifatorial. Gerando o aumento localizado de melanina e alterações vasculares regionais. Objetivo: conhecer sobre hiperpigmentação periorbital com ênfase em suas características e etiologia, abordando suas causas e os principais tipos de tratamentos não invasivos. Métodos: O estudo utilizou levantamentos bibliográficos, com revisão e buscas em artigos científicos, livros e nas bases de dados Pubmed e SciELO dos últimos anos. Resultados e Discussão: Foi possível observar que essa hiperpigmentação é formada pela deposição de melanina na derme, apresentando causas multifatoriais. Tendo suas causas subdivididas em primarias e secundarias. É possível obter resultados variáveis, com tratamentos invasivos ou não invasivos.
  • Item
    Terapia de luz intensa pulsada no tratamento da acne rosácea
    (UNISA, 2022) Alves, Adriane de Melo; Viana, Beatriz Gonçalves; Camarneiro, Bianka Assunção Peres
    A acne rosácea surge na parte central do rosto, se manifesta com características primárias (eritema, telangiectasias, pápulas, pústulas) e com características secundarias (calor, ardência, ressecamento, edema, mudança do Phymas, manifestações oculares). É uma patologia de crises e remissivas, sendo o stress, alimentação e medicamentos responsáveis pela exacerbação do quadro; todavia, não existe uma cura para a rosácea, mas existem tratamentos que podem ser feitos para aliviar o incômodo, como por exemplo a Luz Intensa Pulsada (LIP). Além de ser o tratamento mais indicado E seu resultado depende do estágio da doença, do subgrupo e seguir a orientações de cuidados importantes para o não agravamento da patologia. A rosácea tem importância na qualidade de vida do indivíduo, pois afeta a autoestima e consequentemente sofrendo de ansiedade e/ou depressão, pela condição inestética, tendendo a evitar eventos sociais. O objetivo do estudo é identificar os benefícios da luz intensa pulsada no tratamento da acne rosácea. A LIP é um tratamento que beneficia a melhora do quadro de hiperemia e rubor, deixando a pele de maneira segura ao indivíduo.
  • Item
    Microagulhamento associado ao ácido hialurônico e vitamina C nano em pele madura e pele com sequelas de acne
    (UNISA, 2022) Silva, Thais; Coelho, Yasmim Ferreira
    O presente trabalho discuti sobre a potencialização do microagulhamento em peles maduras e as sequelas da acne.
  • Item
    Hiperpigmentação da região intima em pele negra
    (Universidade FUMEC, 2023) Silva, Leticia Domingues da; Freitas, Fernanda Carmelita Santos de
    No presente trabalho foi tratado o transtorno de hiperpigmentação cutânea na região intima apurando a predisposição que a pele negra possui a essa discromia, esclarecendo a motivação para que a região íntima esteja categorizada entre as regiões mais acometidas. O estudo tem o foco na abordagem do público feminino, o principal alvo da hiperpigmentação intima, constatando como determinado grupo pode ser afetado em diversos aspectos incluindo autoestima e qualidade de vida e como essa condição afeta mulheres de nacionalidade brasileira, as quais estão habituas ao clima e condições suscetíveis de um país predominantemente tropical. O objetivo do estudo é conhecer os mecanismos de hiperpigmentação da pele na região íntima em mulheres de pele negra e elencar os possíveis tratamentos adequados baseados em protocolos estéticos associados a ativos clareadores para o tratamento de clareamento íntimo em peles de alto fototipo. A metodologia escolhida foi uma revisão teórica realizada através das principais revistas online e livros utilizando artigos relacionados a hiperpigmentação vaginal. A pele negra tem maior suscetibilidade ao transtorno de hiperpigmentação cutânea pois possui maior número de melanócitos em comparação a peles dos demais fototipos. A região íntima feminina está entre as áreas mais afetadas pois é composta por glândulas apócrinas, as quais quando submetidas ao atrito e ao calor promove a hiperpigmentação da região assim como o processo inflamatório ocasionado pela lâmina de barbear. Os principais procedimentos estéticos utilizados no tratamento são Peelings e Terapia com Luz/Laser e os principais ativos utilizados são a Tretinoína e o Ácido Mandélico.