Avaliação in vivo da capacidade da membrana de silicone vedar a infiltração de bactérias periodontopatogênicas no micro-espaço entre o pilar protético e implantes de hexágono externo

Resumo
O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia da colocação de uma placa de silicone no vedamento da interface entre pilar protético e a base de 15 implantes de hexágono externo osseointegrados, em dez pacientes portadores de coroas protéticas instaladas havia dois a 36 meses e com boa condição clínica dos tecidos perimplantares.
Descrição
Palavras-chave
Implantes Dentários, Microbiologia, Infiltração, Bactérias
Citação
SARTORI, Saul Galileu. Avaliação in vivo da capacidade da membrana de silicone vedar a infiltração de bactérias periodontopatogênicas no micro-espaço entre o pilar protético e implantes de hexágono externo. 2006. Dissertação (Mestrado em Odontologia) — Universidade Santo Amaro, São Paulo, 2006.