Percepção do enfermeiro da estratégia de saúde da família frente às metas e qualidade no atendimento ao usuário

Imagem de Miniatura
Data
2016
Autores
Silva, Jaqueline de Lima
Moreira, Roseli de Lana
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
UNISA
Resumo
O Ministério da Saúde estabelece aos enfermeiros da Estratégia de Saúde da Família o cumprimento de 40 horas semanais. Diante desta carga horária regem as metas de atividades estabelecidas. Porém, não apenas a produção deve ser levada em conta, como também os indicadores de qualidade no atendimento. Nesse contexto a presente pesquisa tem como objetivo identificar qual a percepção do enfermeiro da Estratégia de Saúde da Família frente às metas e qualidade no atendimento ao usuário. Trata-se de um estudo descritivo exploratório e transversal. A amostra constituiu-se de cinco enfermeiros de uma Unidade Básica de Saúde com Estratégia de Saúde da Família (ESF). Os dados foram coletados a partir de entrevistas semiestruturadas, através de um questionário aplicado com oito questões. Os resultados do presente estudo permitiram verificar que os enfermeiros conhecem e souberam descrever o que é estipulado para o atendimento na ESF. Foi possível identificar que 60% dos enfermeiros consideraram que a meta se opõe a qualidade. E que as metas deveriam ser flexíveis conforme a demanda de cada território. Na temática desse estudo mostra-se a proposta do Programa Melhoria do Acesso e da Qualidade (PMAQ). Conclui-se que há necessidade de capacitações para os profissionais, para que possam discutir a importância de metas flexíveis, pensando na demanda do seu território. E orientação abordando a importância da visita do PMAQ, resgatando os objetivos do programa de avaliação da qualidade.
Descrição
Palavras-chave
Metas, Atenção Primária à Saúde, Qualidade da Assistência à Saúde
Citação
SILVA, Jaqueline de Lima; MOREIRA, Roseli de Lana. Percepção do enfermeiro da estratégia de saúde da família frente às metas e qualidade no atendimento ao usuário. Trabalho de Conclusão de Curso. (Bacharelado em Enfermagem) — Universidade Santo Amaro. São Paulo, 2016.
Coleções