DSpace Repository

Avena Sativa e Echinacea Angustifolia modificam padrões de Eosinófilos em cães senescentes.

Show simple item record

dc.contributor.author Bruno, Fernanda
dc.date.accessioned 2021-06-02T19:58:17Z
dc.date.available 2021-06-02T19:58:17Z
dc.date.issued 2020-12
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/123456789/608
dc.description.abstract O conhecimento das principais alterações fisiológicas que os animais apresentam durante a fase geriátrica é indispensável para que o médico veterinário seja capaz de oferecer o melhor atendimento, manejo e tratamento possíveis a esses pacientes. O objetivo do presente estudo foi avaliar as alterações hematológicas e bioquímicas de cães entre 8 e 15 anos de idade e a ação de medicamentos ultradiluídos. Além da idade, outro critério de escolha dos animais participantes da pesquisa foi que não estivessem sendo submetidos a nenhum tratamento alopático que pudesse interferir no presente estudo. Os animais passaram por anamnese e exame clínico e para a avaliação hematológica, primeiramente foram coletadas amostras sanguíneas, sendo armazenadas em tubos com conservantes EDTA e tubos com ativador de coágulo. Na sequência efetuadas dosagens glicêmicas através de aparelho destro Freestyle Neo Optimun® (Abbott, Irlanda). Foram avaliados valores de concentração de hemoglobina, volume globular, hematimetria, volumecorpuscular médio (VCM), concentração da hemoglobina corpuscular média (CHCM), amplitude de variação dos eritrócitos [red cell distribution width (RDW)] e plaquetometria, determinados em contador automático de células modelo BC-2800 Vet®, Mindray, China. A contagem diferencial foi efetuada de forma manual através de microscopia óptica, em esfregaços sanguíneos corados pelo panótipo rápido. Foram realizados também os seguintes exames bioquímicos: Ureia, Creatinina, Glicose, Fosfatase Alcalina e Alanina Aminotransferase. As coletas foram realizadas com intervalo de 20 dias. Com um total de 4 coletas por animal, sendo duas antes do uso das medicações e duas após, respeitando o intervalo. Considerando que este estudo obteve amostras de 34 animais, para análise dos resultados, inicialmente os dados foram analisados descritivamente. Para as variáveis numéricas foram apresentadas média e desvio padrão. O tratamento estatístico seguiu com a utilização de testes paramétricos, que incluiu o teste t de Student para amostras independentes quando na comparação de 2 grupos, ou o teste ANOVA quando na comparação de 3 ou mais grupos. O teste Post-Hoc utilizado quando na comparação de 3 ou mais grupos foi de Bonferroni para amostras com variância iguais ou similares. O teste t de Student de amostras pareadas foi utilizado para se comparar os períodos [1ª avaliação (baseline), 2ª, 3ª e 4ª avaliações]. Para todos os testes estatísticos foram utilizados um nível de significância de 5%. Como resultados foram obtidos a diminuição dos eosinófilos (p<0,02) e da creatinina (p<0,05), no decorrer das avaliações. Os demais parâmetros não apresentaram diferenciações entre o valor baseline e demais coletas (p≥0,05). Os animais embora idosos, estavam com parâmetros hematológicos dentro dos valores de referência conhecidos em literatura. No presente estudo houve a influência dos medicamentos Avena sativa e Echinacea angustifolia na redução dos valores médios de eosinófilos e de creatinina. pt_BR
dc.subject Ultradiluições, hematologia, homeopatia, bioquímica sérica. pt_BR
dc.title Avena Sativa e Echinacea Angustifolia modificam padrões de Eosinófilos em cães senescentes. pt_BR
dc.type Working Paper pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account