DSpace Repository

Avaliação da infiltração de fluidos em implantes com conexão do tipo Cone-Morse

Show simple item record

dc.contributor.author Santos, Mariana Diniz Bisi dos
dc.date.accessioned 2017-02-07T19:52:00Z
dc.date.available 2017-02-07T19:52:00Z
dc.date.issued 2007
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/123456789/51
dc.description.abstract Uma das possíveis causas de insucesso dos implantes osseointegrados é a periimplantite. É comprovado, na literatura, a infiltração de bactérias no interior dos implantes de conexão hexagonal através da fenda existente entre o implante e seu intermediário. O objetivo da presente pesquisa é avaliar a ocorrência de infiltração de fluidos no interior de implantes com conexão do tipo cone-morse, variando a pressão atmosférica. Os implantes foram divididos em quatro grupos, de acordo com a marca comercial e tipo de sistema. Em um primeiro momento, os implantes foram imersos em solução de corante Rodamina 6G por 32 horas, avaliou-se a infiltração do corante por meio de microscopia óptica. Em um segundo momento, após lavagem dos implantes, estes foram novamente imersos na solução de corante, porém, dessa vez, foi aplicada uma pressão de 700 mmHg por cinco minutos e, posteriormente, realizada nova avaliação por microscopia óptica. Os resultados foram submetidos ao teste estatístico de Fisher, o qual demonstrou não haver significância entre os grupos, tendo a infiltração ocorrido em todos os grupos estudados. Pôde-se concluir que a infiltração de fluidos ocorre nos implantes do tipo cone-morse, chegando ao fundo do implante quando aplicada pressão negativa. pt_BR
dc.language.iso other pt_BR
dc.subject Odontologia. Implantodontia. pt_BR
dc.title Avaliação da infiltração de fluidos em implantes com conexão do tipo Cone-Morse pt_BR
dc.type Other pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account